Quantas vezes você já enviou um email transacional padrão da sua plataforma? Quantas vezes você já parou para analisar a sua estratégia de emails transacionais?

Um estudo feito pela experian aponta que a taxa de abertura de emails transacionais é 8 VEZES maior do que as dos emails não transacionais. Não investir tempo com essa ferramenta seria uma grande oportunidade perdida, certo?

Então vamos lá. À primeira vista, os emails transacionais podem parecer simples e até chatos, mas representam grande oportunidade. Seguem algumas das suas aplicações:

  • Novo Cadastro no site
  • Produto está de volta no estoque
  • “Esqueci a minha senha”
  • Confirmação de recebimento de contato no site
  • Abandono de Carrinho
  • Nota Fiscal Eletrônica
  • Confirmação do pagamento
  • Confirmação de envio
  • Pedido de depoimento
  • Outros…

“A grande oportunidade está em como utilizar esses emails com altíssimas taxas de abertura para converter mais ou fortalecer mais os laços com o cliente/lead.”

Como Otimizar Os Emails

1 – Informação sobre a transação precisa estar em primeiro plano

Vamos falar muito sobre inserir informações adicionais nos emails, mas é imprescindível que o mesmo consiga atingir o seu objetivo, que é informar o cliente sobre alguma transação.

 

2 – Utilizar estratégia de cross-sell

A ideia é ter um sistema que te auxilie na definição de quais produtos são interessantes e indicar de acordo com o comportamento de compra do consumidor. Em uma situação em que o cliente pediu para ser informado quando o item voltar em estoque, podemos enviar junto com a confirmação os produtos que estão em estoque no momento e são compatíveis. Podemos até inserir um “compre também” na confirmação de uma compra, aproveitando o mesmo frete.

 

3 – Consistência da mensagem

A experiência que o usuário teve no site deve ser continuada nos emails transacionais. O uso dos elementos, fontes, cores e linguagem precisam ser consistentes.

 

4 – Timing

Alguns são mais sensíveis que os outros, mas geralmente esses emails têm muita urgência e os seus sistemas precisam estar preparados para isso. Um email de “esqueci minha senha” que demora a chegar representa a desistência da compra, sem sombra de dúvida.

 

5 – Volume de informações

Dedique-se a elaborar os templates dos emails transacionais que possam oferecer o máximo de informações para que o cliente fique satisfeito. Detalhes como data esperada para envio, dados sobre parcelamento e etc, fazem com que o cliente fique tranquilo e que sua equipe de atendimento não seja acionada sem necessidade.

 

6 – Responsividade (mobile)

Os acessos aos emails via smartphone variam muito, e, para alguns dos nossos clientes, representam 80% dos acessos via email. Mantenha os transacionais sempre otimizados para os dispositivos.

 

7 – Compartilhamento

Deixe nítidas as maneiras de compartilhar o conteúdo do email, o produto contido, o fato da compra, etc. De acordo com o posicionamento da sua empresa, seja criativo na linguagem, dando um motivo interessante para as pessoas compartilharem.

 

8 – Personalização

Parece óbvio, mas muitos dos emails que não são de confirmação de compra, acabam sendo enviados sem personalização. Cada toque que indique que a sua empresa conhece o consumidor é um ponto a mais para fortalecer os laços.

Resumindo

A nossa ideia é aproveitar ao máximo cada interação com os clientes e leads, sempre pensando em gerar valor e conquistar esse relacionamento, que às vezes pode ser tão frágil. Tente usar ao máximo estratégias que estão alinhadas com o seu posicionamento na hora de desenvolver cada uma das mensagens que enviam aos clientes.

Compartilhe: