Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

Fechar

Desafios do e-commerce: envio de produtos e logística integrada

O período entre a finalização das compras em lojas virtuais e a entrega dos produtos é marcado por muita expectativa por parte do consumidor. Ao cumprir o prazo estipulado de entrega ou, ainda, antecipar a data indicada, o e-commerce transmite confiança e estimula a fidelização do cliente.

Para satisfação total, os lojistas precisam estar atentos à organização, em especial aos processos de logística integrada. Otimizar o tempo e os custos relacionados ao armazenamento, preparo e envio de produtos são desafios constantes para gestores de lojas virtuais. Pensando nisso, listamos algumas dicas para auxiliar lojistas com esse processo. Confira!

logística integrada para e-commerce

Uma boa gestão dos processos de logística garante operações mais produtivas, flexíveis, ágeis e economicamente viáveis. Imagem: Pexels.

Os desafios do e-commerce

Para começo de conversa, devemos ter em mente alguns fatores que influenciam diretamente no planejamento logístico de lojas virtuais: alto custo e segurança do transporte de produtos, segurança on-line (fator decisivo nas compras) e competição cada vez mais segmentada.

Com isso mente, percebemos que uma gestão logística faz toda a diferença. Afinal, empresas que possuem boa estruturação e coordenação dos processos de produção e entrega, alinhadas ao gerenciamento estratégico, garantem operações mais produtivas, flexíveis, ágeis e economicamente viáveis.

Logística integrada

Quando falamos em logística integrada para e-commerce, abordamos o conceito de forma ampla, afinal, trata-se de ir além de planejar, implantar e controlar o fluxo de produtos e estoques. O objetivo final é entregar ao cliente a melhor experiência de compra possível.

Uma boa estrutura logística, integrada aos demais processos da loja, garante um fluxo organizado e eficiente. Neste processo, devem ser observados:

  • Análise de perfil e demanda dos clientes: o perfil do cliente tem muito a ver com a persona ideal da sua empresa. Você deve incluir informações demográficas, comportamentais e psicográficas. Clique aqui e descubra como definir buyer personas.
  • Características do produto ou serviço: as informações referente ao mercado, características do produto, serviço ou segmento; estratégias possíveis, como lançamentos sazonais, ampliação de linhas com embalagens e rotulagem diferenciada, qualidade, design, garantia de entrega, entre outros, são itens importantes a serem levados em consideração.
  • Análise de distribuição: para entender como o produto vai percorrer o caminho do e-commerce até o consumidor, é necessário analisar as ações que envolvem a entrega. Onde o produto é distribuído? De que forma é entregue? Qual a localização do estoque?

 logística integrada para e-commerce

Softwares de logística

Os softwares de logística on-line são boas opções para manter o controle sobre os prazos e as entregas de produtos e serviços. Além disso, muitos deles funcionam na nuvem, com a vantagem de serem acessados de qualquer lugar e terem os dados atualizados constantemente.

Esse controle facilita o planejamento e o compartilhamento de informações entre as equipes responsáveis pela venda, pelo estoque e pelos demais envolvidos.

O uso de softwares de logística auxilia no controle de todas as etapas até a entrega do produto final, a fim de reduzir o tempo em cada ciclo; na otimização dos recursos (maximização de espaços, tempo de separação do estoque, etc); na previsão de demandas básicas e no monitoramento de rotas, para identificar os melhores trajetos em tempo, trecho e custos.

Vale a pena fazer uma pesquisa e descobrir o software que mais se adapta à sua realidade e ao seu segmento. SoftExpert, Cockpit Logístico, Target e Tecnovia estão entre os principais softwares de logística disponíveis no mercado.

SoftExpert: oferece monitoramento de indicadores de desempenho, gestão de ativos, do meio ambiente e de riscos, plataforma on-line com ponto central de acesso.

Cockpit Logístico: conta com programação de rotas, rastreamento e planejamento da frota, que promete reduzir até 15% das distâncias percorridas.

Target: otimiza, padroniza e automatiza os processos de entrada, armazenagem e saída dos produtos, economizando recursos e fazendo entregas mais rápidas.

Tecnovia: sistema 100% on-line, permite que todas as informações sobre logística possam ser acessadas por computadores, smartphones, notebooks e tablets.

Formas de envio alternativas

A escolha de prestadores de serviços logísticos deve estar de acordo com as necessidades do e-commerce. Algumas empresas têm se despontado no mercado brasileiro. São elas:

Couriers: empresas privadas de serviços de entrega de encomendas e correspondências com abrangência nacional. Do ponto de vista operacional, essas empresas são bem parecidas aos Correios e alcançam várias partes do país, com planos e valores diferenciados para e-commerces. Nessa categoria, temos: Total Express, Jadlog, Direct e Transfolha. Além das empresas de transporte exclusivamente rodoviário (Jamef, Braspress e TNT).

Expresso: empresas que oferecem serviços de entrega no mesmo dia ou no próximo. Em algumas capitais, como São Paulo e Rio de Janeiro, a entrega é feita em poucas horas. Loggi, Rapiddo, SpeedyLog, B2Log e ASAPLog oferecem esse serviço.

Especializadas: algumas empresas surgiram no mercado visando nichos específicos e se desenvolvem de acordo com os itens enviados por eles. Existem, inclusive, algumas que são ainda mais segmentadas, como:

  • Especialistas em entregas por bicicleta, Courriers e a BikeCourier.
  • Especialistas em Lockers, EasyPost e InPost.
  • Especialistas em pontos de entrega compartilhados, Pegaki, Send4 e RetiraFácil.

Estratégias para reduzir custos

A colaboração e as parcerias são formas de reduzir significativamente o custo relacionado à cadeia de abastecimento, alavancando os lucros dos e-commerces brasileiros.

Um exemplo de como realizar essa parceria para colher os benefícios da colaboração é estabelecer uma relação de confiança, compartilhando informações de rotas de transporte para diminuir a ocorrência de trechos percorridos sem carga, reduzindo os custos de transporte.

A logística referente à redução de custos pode, inclusive, ser um fator decisivo para o sucesso do segmento. Afinal, tudo se trata de oferecer melhor disponibilidade, preço, velocidade, flexibilidade e agilidade na entrega.

De acordo com pesquisas recentes da Cognizant, 46% dos transportadores e 81% dos provedores de serviços logísticos concordam que a colaboração, dividindo rotas e equipamentos com outras companhias, clientes e, eventualmente, concorrentes, pode resultar em uma melhor experiência ao consumidor e reduzir custos em toda a cadeia produtiva.

Gostou deste post? Confira outras dicas para gestão de e-commerce clicando aqui.

Esse conteúdo foi útil?
5.00 avg. rating (92% score) - 1 vote

Quer aumentar o seu ROI?

Contrate a melhor agência de Inbound Commerce do Brasil

Contrate agora

Fala pra gente o que achou

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inbound Commerce – O Maior Blog de Inbound para E-commerce