Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

Fechar

Mudança no algoritmo do Google para buscas de long tail

rodrigo

Rodrigo é um especialista em e-commerce, graduado e mestrado pela Universidade de Massachusetts. É também o fundador e diretor da Nação Digital, agência referência em estratégias de alto ROI para e-commerce.

No começo deste mês foi realizado o SMX West 2016, em San José – Califórnia, um dos maiores eventos de search do mundo. O foco deste ano foi para a tendência em integração de ações para uma estratégia com coerência. Durante o evento, o principal anúncio foi sobre o RankBrain, novo algoritmo do Google que torna a pesquisa de palavras-chave ainda mais importante a partir das buscas de long tail.

O desafio digital

No momento presente, o principal é focar em estratégias de SEO e SEM, investindo cada vez mais no digital para ultrapassar outras mídias. Assim, as palestras procuraram se aprofundar em temas mais detalhados e específicos do SEO e search em geral. Já sabemos que o profissional de SEO deve estar cada vez mais focado em aspectos técnicos e buscas de palavras-chave para a geração de negócios. Neste sentido, o principal desafio destacado por Behzadi durante o evento foi o dos buscadores entenderem uma linguagem mais humana e fluída. Isso mostra o quanto os mecanismos de busca ainda são dependentes de palavras-chave, assim como especialistas precisam estar atentos constantemente a mudanças nos algoritmos do Google.

RankBrain e as buscas de long tail

Com o RankBrain, a atualização das buscas aumentou o foco em relevância, se destacando frente a escolha de palavras soltas. O RankBrain funciona como uma máquina de aprendizagem, ou seja, ela se baseia em comportamentos anteriores do usuário para criar relações automáticas e proporcionar melhores resultados. A principal mudança é com relação a buscas de long tail. As long tails são frases com mais de uma palavra-chave, utilizando a linguagem livre em que o consumidor procura entender determinado assunto. Um exemplo pode ser a busca por “Como aumentar a taxa de conversão do meu negócio”. Com esta alteração de algoritmo, o Google consegue dar um peso diferente a cada termo de busca e crescem as oportunidades para o inbound marketing.

O impacto no inbound marketing

Com o aumento da concorrência e dos custos de ações de marketing, é preciso chegar às pessoas corretas, no momento correto. Isso se torna possível no inbound marketing a partir da definição de palavras-chave por segmentação de listas de clientes. O destaque no evento foi para o uso dos mecanismos de busca de forma a entender o consumidor, selecionando os termos e frases relacionados para compreender as intenções verdadeiras de cada cliente.

Desta forma, a mudança no algoritmo exige melhores práticas de SEO dentro do posicionamento dos sites e torna a pesquisa pelas palavras-chave corretas ainda mais importante. Relacionando diretamente com o assunto tratado no evento, é necessário pensar no marketing de busca como comunicação, por meio de uma estratégia com coerência em todas as plataformas. O inbound marketing segue exatamente por este caminho. Definidas as palavras-chave dentro das estratégias de inbound marketing, o importante é investigar as oportunidades de SEO para basear-se em resultados possíveis.

Quer entender mais sobre busca de palavras-chave? Acesse nosso texto Pesquisa de palavras-chave: como aumentar a busca por seus conteúdos.

Esse conteúdo foi útil?
5.00 avaliações (99% score)

Quer aumentar o seu ROI?

Contrate a melhor agência de Inbound Commerce do Brasil

Contrate agora

Fala pra gente o que achou

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *