Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

Fechar

Como usar a Programação Neurolinguística para aumentar suas vendas online

Você conhece o neuromarketing e PNL (Programação Neurolinguística)? Estes foram dois dos temas abordados no maior evento de marketing digital e vendas da América Latina, RD Summit, realizado entre os dias 18 à 20/10 em Florianópolis/SC, reunindo mais de 8 mil congressistas, 150 palestrantes e 88 empresas para uma jornada intensa de conteúdo e negócios.

Dentre as palestras, as de neuromarketing ministrada por Fernando Kimura, especialista em comunicação e neuromarketing, e as de neurolinguística ministradas em main session por Martha Gabriel, considerada uma das maiores especialistas em inovação e interatividade no Brasil, e em sala por Veronica Ahrens, escritora e consultora, nos chamaram a atenção por serem tão importantes nos processos de Inbound Marketing/Commerce.

Neste post, nosso foco será a programação neurolinguística tratada por Ahrens em sua palestra. Acompanhe:

O que é a Programação Neurolinguística?

Para entendermos o conceito completo, precisamos primeiro entender as partes:

Programação Neuro Linguística
Processamento Interno Eventos Externos/Informações Apresentação de Informações
Crenças e Valores Visuais Verbais
Objetivos Auditivas Não Verbais
Estado Interno – Distorções, generalizações, omissões Cinestésicas

Em suma, a PNL explica nossas reações nos mais diversos contextos e como nossas emoções e sentimentos são organizados.  A Neuro é correspondente aos nossos pensamentos, enquanto a Linguística se encarrega da forma como utilizamos as palavras para influenciar outras pessoas e a nós mesmos.

Programação Neurolinguística e o Inbound Marketing podem atuar juntos?

Eu me arrisco a ir além e dizer que já aplicamos a programação neurolinguística no Inbound Marketing, às vezes, sem perceber.

Como já sabemos o Inbound Marketing se baseia em conquistar o interesse das pessoas, e entender todo o seu contexto e o que o influencia nos seus mais diversos níveis, para então desenvolver uma comunicação e conteúdo de valor que fará sentido para ele,  e o ajudará a ver sentido em fazer negócios com a sua empresa.  

Então perceba: no processo de desenvolvimento das estratégias de Inbound, nós também passamos pela análise dos níveis neurológicos do público, ou seja: seu ambiente que influencia seu comportamento, capacidades, crenças e valores, identidade, etc.

Ao “adentrar” seus níveis neurológicos, estamos buscando gatilhos emocionais que o faça responder da forma que desejamos, além de também usarmos isso no nível linguístico, buscando influenciar o nosso lead e os potenciais leads ao nosso redor.

É possível utilizar para melhorar as vendas do meu e-commerce?

Sem dúvidas!  Como também disse Martha Gabriel em sua palestra, entrando um pouco mais afundo e trazendo para o neurobusiness, nós não somos seres racionais, somos totalmente emocionais e “primeiro sentimos, depois pensamos”. Ou seja, podemos utilizar o PNL para despertar e “atiçar” as emoções que queremos que o nosso público sinta com nossa loja e nossos produtos.

Ao tornar a relação emocional, a compra estará a um passo. Você não compra o sabão da propaganda com crianças brincando livres e felizes pela promessa da total retirada de manchas. Você compra porque a mensagem comunicacional te emocionou e acionou lembranças de suas brincadeiras de infância em seu subconsciente, mesmo que você não tenha percebido. Com a emoção a mil, você comprará para depois racionalizar.

Além disso, a Programação Neurolinguística também nos ajuda a encontrar o nosso total potencial, bem como de nossos colegas de trabalho e de nossa equipe de colaboradores.

Estude-a com seus vendedores e com a equipe responsável pelo contato direto com seu lead. Àqueles que terão influência direta no fechamento de vendas de sua loja virtual e também na comunicação com seus clientes. Ajude-os a modelar seus próprios mapas mentais, para então serem capazes de modelar e acionar suas habilidades de negociação, persuasão e vendas com força total!

Bônus!

Para ajudar a entender o contexto do seu lead, utilize o mapa da empatia. Uma das metodologias mais antigas de canvas para negócios, que o auxilia a conhecer o seu cliente de forma simples e objetiva.


Esse conteúdo foi útil?
5.00 avg. rating (84% score) - 1 vote

Quer aumentar o seu ROI?

Contrate a melhor agência de Inbound Commerce do Brasil

Contrate agora

Fala pra gente o que achou

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inbound Commerce – O Maior Blog de Inbound para E-commerce