Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

Fechar

SEO para inbound commerce: Parte 2

No texto anterior tratamos de algumas estratégias que irão elevar seu e-commerce nas ferramentas de busca online a partir do SEO. Agora iremos tratar da importância de uma pesquisa aprofundada de palavras-chave, de como é necessário investir em bom conteúdos e da necessidade de gerar interação com o seu público.

Palavras-chave

O trabalho de SEO é árduo e não entrega resultados imediatos. Focar nas palavras-chave geradoras de receita, ao invés daquelas que “soam melhor” é imprescindível. Recomendamos o Google Keyword Planner e sites como keyword.io para busca de palavras-chave que se encaixem com a sua persona e o Hubspot como ferramenta para monitoramento de ranking das palavras escolhidas e que irão gerar maior tráfego. Ainda não definiu suas personas? Veja como fazer isso aqui.

Para a escolha das palavras-chave, observe com frequência os relatórios, monitore as tendências e concentre-se nas palavras-chave utilizadas por usuários prontos para realizar a compra. Separe as palavras entre aquelas que possuem uma alta procura e aquelas que tem melhor qualidade de acordo com o público que deseja atingir. Esses dois tipos de tráfego são complementares: os de qualidade vão trazer pessoas que estão buscando exatamente o que você está oferecendo, enquanto os de quantidade irão tornar seu e-commerce mais visitado. Tráfegos de qualidade reduzem taxas de abandono de carrinho, aumentam o tempo que os usuários passam na sua página e rendem mais conversões.

Com a nova atualização do algoritmo do Google para buscas de long tail, a escolha de palavras-chave efetivas fica ainda mais importante. As long tails são frases com mais de uma palavra-chave, utilizando a linguagem livre em que o consumidor procura entender determinado assunto. Um exemplo é a busca por “Como aumentar a taxa de conversão do meu negócio” no lugar de “Aumentar taxa de conversão empresa”. Com esta alteração de algoritmo, o Google consegue dar um peso diferente a cada termo de busca e crescem as oportunidades para o inbound marketing.

Conteúdo

Não duplique conteúdo, ou seja, não copie a descrição de produtos dos sites de fornecedores ou qualquer outro. O Google entende que a descrição é cópia de outra loja e penaliza por entender que é menos relevante que a dos concorrentes, diminuindo a relevância de seu e-commerce. Tenha um catálogo de produtos bem descrito e original, seguindo o padrão de linguagem de sua marca. Se sua loja tiver muitos produtos, as descrições podem ser curtas, mas devem conter o maior número de informações úteis que você conseguir. Lembre-se: insira uma nomenclatura de acordo com suas palavras-chave e sempre coloque alt-text em suas imagens.

Interação

Disponibilize um espaço para obter comentários e avaliações de seus consumidores. Além de entregar credibilidade à marca, as avaliações são um feedback para você. Dentro da estratégia de SEO, estes comentários mantem quem busca por seus produtos por mais tempo na sua página, lendo e compartilhando conteúdos, o que aumenta a relevância do seu e-commerce nos buscadores do Google.

Por fim, una suas práticas de SEO com a criação de conteúdos de valor em outros canais por meio do inbound marketing. Quanto maior a interação, melhor sua colocação em rankings de pesquisa e maior sua taxa de conversão.

Quer unir boas práticas de SEO com o inbound marketing para o seu e-commerce? Nós somos a agência inbound para e-commerce no Brasil, faça uma avaliação gratuita com a gente!

cta consultoria gratuita

Esse conteúdo foi útil?
5.00 avg. rating (93% score) - 1 vote

Quer aumentar o seu ROI?

Contrate a melhor agência de Inbound Commerce do Brasil

Contrate agora

Fala pra gente o que achou

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inbound Commerce – O Maior Blog de Inbound para E-commerce